Dependência espacial faz secção do consórcio montado pelo governo federalista dos EUA para reunir secção da capacidade computacional de instituições públicas, universidades e empresas na procura de uma vacina

Um dos supercomputadores da Nasa, devotado normalmente a executar modelos climáticos para prever o clima porvir da Terreno, agora emprestará sua capacidade ao combate da pandemia do novo coronavírus. Em um pregão feito nesta segunda-feira (23), a Vivenda Branca comunicou que a sucursal espacial se uniu aos esforços para fornecer aos pesquisadores aproximação aos recursos de computação de alto desempenho na procura por tratamento e vacina para a Covid 19.

Além da Nasa e da National Science Foundation, fazem secção da iniciativa diversos laboratórios, instituições acadêmicas do Departamento de Vontade e empresas, porquê a IBM, Amazon Web Services, Google Cloud, Microsoft e Hewlett Packard Enterprise.

“Estou orgulhoso de que a Nasa esteja emprestando sua expertise em supercomputação para ajudar na luta global contra o COVID-19”, disse o gestor da sucursal, Jim Bridenstine, em um post no Twitter. “Por mais de seis décadas, a sucursal usou sua experiência para enfrentar desafios que beneficiaram pessoas de todo o mundo de maneiras inovadoras”, completou.

Se negócio com o diretor e Missões Científicas da Nasa, Thomas Zurbuchen, o supercomputador da repartição de Ciências da Terreno terá processamento e tempo redirecionados para a pesquisa do Covid-19. Os pesquisadores poderão enviar propostas de pesquisa relacionadas ao novo coronavírus através de uma letreiro online, que será analisada e combinado aos recursos de computação de uma das instituições parceiras.

“Os Estados Unidos estão se unindo para combater o Covid-19, e isso significa liberar toda a capacidade de nossos supercomputadores para seguir rapidamente as pesquisas científicas”, afirmou o diretor de Tecnologia do governo federalista norte-americano, disse Michael Kratsios.

Via: Space.com

Confira o planta do coronavírus COVID-19 no {Brasil}:
(situação até 22/03/2020)

Supercomputadores Nasa coronavirus covid19 supercomputador

Compartilhe com seus seguidores

Fonte: Olhar Digital